Afinal de Contas, CAFÉ faz mal para quem tem pressão alta?

Uma dúvida freqüente é se quem tem pressão alta pode tomar café.
Bom, o café é uma bebida um tanto complexa, contendo centenas de compostos biologicamente ativos, que possuem atividade antioxidantes, são eles os compostos fenólicos, como ácidos clorogênicos e caféina, precedindos por seus produtos de degradação, assim como as melanoidinas formadas durante o processamento.

Estudos atuais, ainda que um pouco contraditórios, sugerem que o consumo de café pode reduzir o risco de diabetes mellitus tipo 2 e pressão alta (hipertensão), bem como de outras condições associadas com o risco de doença cardiovascular e obesidade.
A contraditoriedade desses estudos estão relacionado à fatores como hábitos de fumar, sedentarismo, consumo de álcool e má alimentação, que predispõem o organismo à resultados negativos ao consumir café.
Pesquisas epidemiológicos, com um numero grande de participantes, sugerem que os bebedores regulares de café reduziram os riscos de mortalidade , tanto cardiovasculares como por outras causas . Os benefícios potenciais incluem também proteção contra as doenças neurodegenerativas (Alzheimer e Parkinson).
Porém, é importante deixar claro que esses benefícios estão relacionados à ingestão diária de no máximo 2 a 3 xícaras de café, pois a cafeína em doses elevadas, por ser um estimulantes, pode aumentar a ansiedade , a insônia , a perda de cálcio dos ossos, podendo acarretar fraturas. As gestantes devem consumir menos ainda, para não acarretar complicações na gestação.
Aquelas pessoas que possuem alguma sensibilidade à cafeína, devem atentar-se não só ao café, mas também à alguns tipos de chás, tais como chá verde e chá preto, que possuem cafeína.
No geral, o consumo moderado de café, tem pontos positivos à saúde, preventivos, já que o mesmo possui um potencial antioxidante.
Considerando que todos nós temos nossas particularidades fisiológicas, procure uma Nutricionista para adequar a sua alimentação.

manu com foto

Referências

Allan GM, Korownyk C, Mannarino M. Coffee: advice for our vice?
Can Fam Physician. 2013 Mar;59(3):269.

Canadian Family Physician March 2013 vol. 59 no. 3 269

O’Keefe JH, Bhatti SK, Patil HR, Dinicolantonio JJ, Lucan SC, Lavie CJ. Effects of habitual coffee consumption on cardiometabolic disease, cardiovascular health, and all-cause mortality. J Am Coll Cardiol. 2013 Sep 17;62(12):1043-51.

Vignoli JA ,Bassoli DG, Benassi MT. Atividade antioxidante de cafés torrado e solúvel: padronização e validação de métodos. Coffee Science, Lavras, v. 7, n. 1, p. 68-75, jan./abr. 2012

Anúncios

Tags:, , ,

Categorias: Sem categoria

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: